20.02.2021POR webadmin

RUC: 35 anos sem restrições

Celebrações de aniversário vão contar com concertos e um ciclo de conversas e servem também como mote para partilhar uma nova identidade visual

 

“35 Anos sem restrições” é o mote do nosso aniversário para 2021, que se assinala no dia 1 de março. Numa época tão complicada, a RUC vai inovando e tentando demonstrar que, mesmo num período tão restritivo como o atual, é possível crescer e inovar sem restrições.

 

 

Nesse sentido, 2021 marca a estreia de um novo site e de uma nova identidade visual por parte da Rádio Universidade de Coimbra. Estas mudanças são fruto de um trabalho que tenta respeitar toda a história e vivência da RUC e que procura ao mesmo tempo representar aquilo que hoje somos e queremos ser no futuro! Do passado herdamos uma forma muito especial de fazer rádio e somos hoje um órgão de comunicação social único a nível nacional. Uma rádio-escola formadora e disruptiva, sempre focada em inovar nas vertentes cultural, informativa e desportiva. Esta nova identidade e este site tentam ser uma súmula desse legado que percorre várias décadas e que liga todos os RUCianos que passaram neste bonito espaço que “reside” nos 107.9FM. Por esses e para esses, a RUC continua sem restrições. Para esses e por esses, apresentamos este presente antecipado.

 

Apesar dos desafios do contexto pandémico, o habitual concerto de aniversário da RUC concretiza o lema das celebrações e tem data marcada para dia 13 de março com YAKUZA, no Jardim Botânico da Universidade de Coimbra. Os 35 anos da rádio não serão apenas festejados em concerto, como também à conversa sobre música independente, desafios do jornalismo e o sobre que é isto de “fazer rádio”.

 

O mês de aniversário termina, mas as celebrações nem por isso. Para o que resta do ano e em data a anunciar, a RUC preparou algumas surpresas. Ao longo dos próximos meses, podem ainda contar com uma emissão especial de celebração dos 10 anos da Casa das Artes Bissaya Barreto e uma segunda edição do Prémio de Jornalismo Radiofónico. Para não perder nenhum dos eventos, o melhor é mesmo ficar por aí, nos 107.9FM ou em ruc.pt.

PARTILHAR: