7/01/20

Gala Solidária a favor da Acreditar encerra comemorações dos 90 anos d’ A Previdência Portuguesa

Sofia Lisboa, Maria Patrocínio Matos Dias e António Martins de Oliveira

“Somos Todos Pela Acreditar”, assim se chama o espetáculo organizado pel’ A Previdência Portuguesa (APP) que vai ter lugar no próximo sábado, dia 11 de janeiro, pelas 21h30, na Antiga Igreja do Convento São Francisco, em Coimbra. A bilheteira reverte para a Acreditar- Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro.

João Pedro Pais, João Gentil, Luís Travassos, o mágico Mário Daniel, Viviane, ex-vocalista ENTRE ASPAS, e o Coro dos Antigos Orfeonistas da Universidade de Coimbra, associaram-se à APP . Sofia Lisboa, ex-vocalista Silence 4 e Paulo Figueiredo, vão também apresentar o projeto conjunto “La Bohème”.

A casa de Coimbra tem 20 quartos onde são acolhidos jovens em tratamento no Hospital Pediátrico e Centro Hospitalar Universitário de Coimbra (CHUC) devido a doença oncológica. Doentes e famílias não pagam as dormidas, apenas as refeições, mesmo estas, em caso de carência económica das famílias, também são apoiadas. A casa funciona com cinco funcionários efetivos e cerca de 70 voluntários.

Maria Patrocínio Matos Dias,membro da Direção Nacional da Acreditar salientou, na conferência de imprensa desta manhã (7) em Coimbra, a importância de iniciativas como a Gala Solidária para conseguir apoios financeiros que dão suporte à atividade.

Instituições como a Acreditar não pretendem substituir o Estado na prestação de cuidados de saúde, apenas preencher insuficiências “quando o Estado não faz”. Desde 2015 que o Pediátrico de Coimbra é centro de referência no cancro do olho. O CHUC é também centro de referência dos tumores ósseos. Chegam à Acreditar de Coimbra crianças de todo o país e Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa e jovens até aos 25 anos.

O presidente do Conselho de Administração da APP, António Martins de Oliveira destacou a necessidade de dar a conhecer o trabalho de instituições como a Acreditar.

O mutualismo da APP e o apoio que a instituição dispensa aos artistas através da Galeria de Arte que tem em Coimbra foram boas razões para Sofia Lisboa abraçar a causa.

A ex-vocalista dos Silence 4 e Sansão Coelho apresentam a Gala. A Sofia Lisboa cabe também a tarefa de cantar no concerto solidário. A artista que sobreviveu a um cancro, agradeceu a participação dos colegas na Gala Solidária e deixou uma nota de humor.

Os bilhetes têm o custo de nove euros e estão à venda na Bilheteira do Convento São Francisco, ticketline (Bilheteira Online), bem como na Fnac, Worten, El corte Inglês, SuperCor- Supermercados, Fórum Aveiro.

Isabel Simões

7
4
23
0
GMT
GMT
+0000
2020-01-19T04:23:48+00:00
Sun, 19 Jan 2020 04:23:48 +0000