22/10/19

Magna propõe introdução de voto antecipado nas eleições da Mesa da Assembleia e Direção Geral da AAC

A Associação Académica de Coimbra reúne em Assembleia Magna extraordinária na quarta-feira, dia 23 de outubro. Ponto único para a reunião que vai acontecer no Polo 2 da Universidade de Coimbra: apresentação, discussão e aprovação do Regulamento Eleitoral para as eleições da Mesa da Assembleia Magna (MAM/AAC) e Direção Geral da Associação Académica de Coimbra (DG/AAC).

Segundo o presidente da Mesa da Assembleia Magna, João Bento, o regulamento eleitoral que vai agora a votação apresenta as atualizações de caráter logístico já introduzidas nas eleições realizadas este ano na Associação Académica de Coimbra. Se o documento passar em votação no Auditório da Unidade Central da Faculdade de Ciências e Tecnologia, a primeira volta das eleições acontece a 19 de novembro. Mas a maior novidade a ser apresentada na quarta-feira é a possibilidade de voto antecipado, comunicou João Bento em entrevista à Rádio Universidade de Coimbra.


Na proposta de Regulamento Eleitoral lê-se que “o eleitor tem de se inscrever em formulário próprio, presente no site eleicoes.academica.pt” até às “15h do dia 12 de novembro, para a 1ª volta, e até às 15h de dia 20 de novembro, para a 2ª volta”. A esperança do presidente da MAM/AAC é de que “tal como os estatutos definem, o processo eleitoral esteja finalizado no mês de novembro”. Na entrevista João Bento resumiu os prazos propostos no regulamento.


João Bento disse ainda que o prazo para apresentação das candidaturas aos dois órgãos vai, “pela primeira vez desde que os estatutos foram implementados”, ser proposto para acontecer “no prazo estatuário que está definido, que é até ao final de outubro”. A campanha eleitoral decorre durante a semana anterior às eleições.

O Regulamento Eleitoral para as Eleições da MAM/AAC e DG/AAC está disponível no sítio da internet da Assembleia Magna no separador Atas e Documentos.


OUTRAS FESTAS

A Magna de quarta-feira tem hora marcada para as 18h15 e tem o regulamento eleitoral como ponto único além das ‘informações’ e ‘outros assuntos’. João Bento considerou que poderia estar na agenda a apresentação do Relatório e Contas da Queima das Fitas 2019 mas que, com certeza, não vai acontecer uma vez que os documentos ainda não foram ainda submetidos à MAM/AAC. O relatório ainda não foi concluído e depois falta o parecer do Conselho Fiscal, explicou o presidente da mesa da assembleia.


Os estatutos da AAC definem que o relatório deve ser finalizado até 30 de setembro do ano da festa e aprovado em Magna até 31 de outubro. Estes prazos fazem com que as contas da Queima de 2019 já venham com mais de um mês de atraso. Este é um assunto que João Bento gostaria de ver resolvido durante o seu mandato com presidente da MAM/AAC. Uma das razões que apresentou é o calendário que se avizinha na vida da Académica e dos estudantes de Coimbra.


O Relatório e Contas da Queima das Fitas de 2018 foi aprovado na última Assembleia Magna. O presidente afirma que “o assunto ficou finalizado” e pela informação prestada pelo administrador da direção Geral “as verbas se não foram já distribuídas vão ser nos próximos dias”. Para João Bento “a casa pode respirar de alívio”.


As portas do Auditório da Unidade Central da Faculdade de Ciências e Tecnologia da abrem às 17h45, a assembleia tem hora marcada para as 18h15. Estão convocados todos associados e associadas da Académica de Coimbra, nomeadamente efetivos, seccionistas e extraordinários.

André Jerónimo

6
1
31
0
GMT
GMT
+0000
2019-11-16T01:31:16+00:00
Sat, 16 Nov 2019 01:31:16 +0000