8/07/19

A atleta Sandra Semedo representa Portugal na Taça Internacional de Triciclismo

A triciclista Sandra Semedo, da Associação de Paralesia Cerebral de Coimbra (APCC), já está na Dinamarca, onde vai representar o país na Taça Internacional da modalidade de desporto adaptado.

Sandra Semedo é reconhecida a nível internacional como uma das melhores atletas de triciclismo. A categoria desportiva é praticada em pistas de atletismo, com o auxílio de um equipamento com três rodas e três apoios.

Em entrevista à Rádio Universidade de Coimbra, o membro da APCC, Pedro Santos, relembrou as vitórias da desportista e falou dos objetivos de Sandra Semedo para a Taça deste ano.

Após uma ausência na edição do ano passado, Sandra Semedo estreia-se agora na prova dos 5 000 metros. Pedro Santos elogiou o empenho da atleta e afirma que os treinos para a competição correram dentro da normalidade.

A APCC usa o desporto como forma de ajudar as pessoas com deficiência, tanto a nível físico como intelectual.

Pedro Santos reiterou que as vantagens da prática desportiva se observam diariamente nos utentes da Associação. Assim, o Departamento de Desporto aposta no desenvolvimento de várias modalidades.

A mais recente equipa de rugby promete juntar pessoas com necessidades especiais e pessoas sem deficiência, para fomentar a inclusão em Coimbra e a nível nacional.

O membro da APCC acrescentou ainda que o desporto adaptado sofre de falta de recursos.

O custo da atividade desportiva é essencialmente suportado pelas organizações de solidariedade social. No entanto, para Pedro Santos, os constrangimentos financeiros vão sendo soperados através da determinação dos treinadores e dos membros das associações.

A Taça Internacional de Triciclismo começou ontem, dia 7 de julho. Para além de Sandra Semedo, Portugal vai estar representado por outros três atletas, Alírio Almeida, André Pinto e João Lomar.

Catarina Silva

3
20
56
0
GMT
GMT
+0000
2019-07-17T20:56:12+00:00
Wed, 17 Jul 2019 20:56:12 +0000