9/05/19

QF’19: Banda Vaiapraia traz temática LGBTQ+ ao Palco RUC

Um dos integrantes da banda Vaiapraia, projeto pós-punk e queer lisboeta, esteve à conversa com a RUC na antepenúltima noite da Queima das Fitas 2019. Rodrigo Vaiapraia, um dos artistas do quarteto, explicou a génese e a evolução da banda.

O artista ainda refere a resposta do público ao seu disco 1755 que leva músicas que envolvem a comunidade LGBTQ+. Rodrigo Vaiapraia esclarece como o assunto, considerado um tabu em algumas sociedades, refletiu a sua forma de vida e influenciou as pessoas da comunidade.

Rodrigo Vaiapraia ainda expôs qual aspeto que o deixa mais satisfeito na receção do público, e o alcance que as as músicas têm na comunidade LGBTQ+. Referiu também o fato de adotar uma representação pessoal que, por vezes, contradiz as normas seguidas pela comunidade.

O músico explicou o ideal de “desafiar” o público na liberdade de expressão que a banda segue. Afirmou que as músicas da banda tem um teor de libertação referente às normas sociais.

Para além de Vaiapraia, o Palco RUC contou com DJs RUC, Casal Ventoso e, para finalizar a noite, esteve no palco a DJ berlinense Clara Cuve.

Ana Laura Simon e Cátia Soares

7
11
14
0
GMT
GMT
+0000
2019-07-21T11:14:18+00:00
Sun, 21 Jul 2019 11:14:18 +0000