24/04/19

Investigadora do CNC integra equipa com 3,8 milhões para estudar o cérebro

A investigadora do Centro de Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra (CNC), Ana Luísa Carvalho, faz parte da equipa que conseguiu fundos europeus no valor de 3,8 milhões para estudar o cérebro. O projeto Syn2psy é um projeto junior trainee que dá formação na plasticidade neuronal e em doenças neuro psiquiátricas e conta com parcerias institucionais por toda a Europa.

A investigadora indica a rede de universidades e parcerias, e explica os pormenores do projeto que recruta 14 estudantes de doutoramento, para formação na área da investigação de doenças neuropsicológicas.

Ana Luísa Carvalho refere algumas das investigações que vão ser realizadas neste projeto, propostas pelo CNC.

A mobilidade, segundo a investigadora, é umas das vertentes positivas nos contratos propostos pelas ações Marie Curie, o que vai permitir que os alunos consigam concorrer a Universidades diferentes.

A investigadora afirma que o projeto vai permitir a partilha e interação de realidades diferentes devido à disposição de um conjunto de redes de laboratórios dispostas aos alunos. O que segundo Ana Luísa Carvalho vai dar uma formação completa aos 14 estudantes de doutoramento.

O prazo de candidatura a estas bolsas terminam a 15 de maio. Para mais informações pode aceder ao site da rede http://www.syn2psy.eu/.

As ações Marie Curie fazem parte do Horizonte 2020, o programa europeu que financia a a investigação cientifica.

Pedro Figueira e David Coelho

5
19
52
0
GMT
GMT
+0000
2019-05-24T19:52:53+00:00
Fri, 24 May 2019 19:52:53 +0000