22/03/19

Boicote, Desinvestimento e Sanções (BDS) para o povo palestiniano

Um grupo de estudantes, apoiante do movimento Boicote, Desinvestimento e Sanções (BDS), juntou-se hoje nas escadas monumentais para reivindicar mais direitos para a população palestiniana.

O movimento BDS tem como objetivo denunciar a violação de direitos humanos por parte de Israel contra a Palestina.

A RUC conversou com alguns dos manifestantes que se reuniram hoje em Coimbra. O estudante do Doutoramento de Estudos Clássicos, Miguel Monteiro, explica que o movimento foi criado por cidadãos palestianianos. Tem como objetivo alcançar a liberdade, justiça e a igualdade.

Miguel Monteiro afirma que a única solução para impedir mais violações contra o povo palestiniano é sancionar Israel. O estudante acrescenta que as medidas tomadas até ao momento não surtiram efeito.

Os estudantes presentes na manifestação falaram também do Festival da Eurovisão de 2019 que vai ter lugar em Tel Aviv. Pedem a Conan Osiris que não participe no evento, e pedem também à população portuguesa que não assista ao programa. O grupo já fez chegar uma carta de apelo ao cantor.

No meio da manifestação destacava-se uma voz, com ajuda de megafone, que gritava algumas das reivindicações do movimento BDS.

A manifestação de hoje não foi publicitada na internet. De acordo com os participantes, o evento foi divulgado numa oficina de árabe básico, no dia 20 de março, por ocasião da celebração da Semana do Apartheid Israelita.

A próxima manifestação pelo movimento BDS vai acontecer no dia 26 de abril, data em que Conan Osiris vai estar em Coimbra. Tem como objetivo convencer o músico a não atuar na Eurovisão.

Pedro Teixeira da Silva

1
15
51
0
GMT
GMT
+0000
2019-06-24T15:51:22+00:00
Mon, 24 Jun 2019 15:51:22 +0000