14/03/19

Café Santa Cruz recebe avós que ensinam a bordar fotografias

O FIO 2 – Memórias como matéria-prima é a segunda fase de um projeto iniciado em 2016 que dá cor a fotografias a preto e branco. Esta tarde, a esplanada do Café Santa Cruz, na baixa de Coimbra, foi o local escolhido para apresentar a primeira oficina

O projeto apresenta workshops gratuitos que visam reavivar memórias da Fábrica de Lanifícios de Santa Clara, que laborou no espaço do Convento São Francisco. O FIO 2 foi desenhado pela Mistaker Maker, uma plataforma de intervenção artística, que tenciona promover, juntamente com a iniciativa A Avó Veio Trabalhar, uma participação comunitária na cidade de Coimbra. A RUC teve oportunidade de conversar com a responsável da plataforma Mistaker Maker, Lara Rodrigues, que explicou a necessidade da continuidade do projeto e a importância de partilhar experiências com as mais velhas.

Avó Veio Trabalhar é uma organização de Lisboa sem fins lucrativos que reúne mulheres acima dos 65 anos para produzir objetos de design. Hoje, através do bordado em fotografias, tiveram como propósito aumentar o poder de intervenção dos seniores na cidade. Juntas, ensinaram e partilharam as suas histórias com os moradores de Coimbra. Susana António dá a cara à organização e garante que envelhecer é benéfico.

Ao juntar todas estas entidades, O FIO 2 propõe, assim, workshops de bordado sobre fotografia em locais emblemáticos da cidade que representam o património imaterial local. Esmeralda Serra, uma das ‘avós’, ensinou Duarte Cavalinhos a bordar.

O próximo workshop vai ter lugar amanhã, no Ateneu de Coimbra, por volta das 10 horas. O terceiro e último está marcado para 16 de março, às 15 horas, no Convento São Francisco.

O projeto FIO 2 termina com a realização de uma exposição, de 30 de março a 12 de maio, no Convento São Francisco.

Sofia Santos

1
13
06
0
GMT
GMT
+0000
2019-05-27T13:06:13+00:00
Mon, 27 May 2019 13:06:13 +0000