12/03/19

Comissão Disciplinar foi eleita e quer trabalhar em proximidade com o Conselho Fiscal

A recém eleita presidente da Comissão Disciplinar da Associação Académica de Coimbra (CD/AAC) afirmou querer trabalhar em relação estreita com o Concelho Fiscal. As intenções foram declaradas por Mariana Branco Farinha, estudante do 5º ano do curso de Medicina da Universidade de Coimbra e elemento número um da lista R às eleições para a Comissão Disciplinar, a lista com o lema “Um novo rumo”.

A contagem dos votos aconteceu na última quarta-feira, dia 6, e revelou uma contabilidade de 373 pontos a favor de Mariana Farinha. A estudante eleita conta já com alguma bagagem nas lides associativas pela sua experiência anterior na Direção-Geral da AAC (DG/AAC) de 2016. Em entrevita à Rádio Universidade de Coimbra (RUC), Marina Farinha afirmou que de 2016 a 2019 nunca perdeu a ligação à casa.

Mariana Farinha destacou também a importância de ter uma boa relação com o Conselho Fiscal e salientou a necessidade de proximidade por parte das duas entidades.

2019 é o segundo ano de atividade da Comissão Disciplinar. Logo em 2018 o órgão ficou marcado pela situação vivida durante a eleição da Direção-Geral em Novembro. Marina Farinha afirmou não temer o futuro e disse que o mais importante para um mandato tranquilo é estar presente e respeitar a natureza consultiva do órgão.

O mandato da CD/AAC tem a duração de um após a tomada de posse que vai acontecer no próximo dia 20 de março

André Jerónimo e Tom Barth

1
13
05
0
GMT
GMT
+0000
2019-05-27T13:05:51+00:00
Mon, 27 May 2019 13:05:51 +0000