4/02/19

José Manuel Mendes: “Coimbra B é uma estação do quinto mundo”

O comentário à atualidade do Alvorada de hoje (4) esteve a cargo do professor da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (FEUC) e investigador do Centro de Estudos Sociais (CES), José Manuel Mendes.

Na passada quinta-feira, o reitor da UC, João Gabriel Silva, deu uma entrevista à RUC, na qual anunciou que as “Cantinas Amarelas”, encerradas para obras desde 2015, vão abrir ainda durante o seu mandato, que termina no final de fevereiro. O atraso nas obras, que duraram quatro anos, deveu-se, segundo o reitor, a atrasos do empreiteiro, sem qualquer culpa por parte da UC.

Numa altura de balanço, José Manuel Mendes critica o mandato do atual reitor, que considera ter assumido uma política “legalista”. Sobre as propostas dos candidatos à reitoria, o comentador não se revê de forma completa em nenhuma.

A Câmara Municipal de Coimbra (CMC) aprovou a abertura de um concurso público para a reabilitação da pista de atletismo do Estádio Cidade de Coimbra, que apresenta, na atualidade, um elevado estado de degradação. A situação levou a que pista deixasse de ser certificada, o que impediu a realização de competições internacionais.

O professor da FEUC e investigador do CES considera que o desporto deve projetar a cidade.

Abre hoje o concurso para as obras do Sistema de Mobilidade do Mondego. O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, em declarações à agência Lusa, considera que este sistema é melhor para a cidade do que a linha ferroviária e destacou que esta solução permitirá servir melhor as populações, é mais eficiente e tem em conta a descarbonização.

O comentador considera que o Metrobus é a melhor solução para o sistema de transportes público conimbricense e alerta para as falhas estruturais da estação ferroviária Coimbra B.

A Faculdade de Letras da UC recebe hoje um debate promovido pela TSF Rádio Notícias e moderado pelo jornalista Ricardo Alexandre, sobre as eleições europeias de 2019. No evento, vão estar os eurodeputados António Marinho e Pinto (Independente), Francisco Assis (Partido Socialista), João Ferreira (Coligação Democrática Unitária), José Manuel Fernandes (Partido Social Democrata), Marisa Matias (Bloco de Esquerda) e Nuno Melo (CDS – Partido Popular).

José Manuel Mendes afirma ser um “europeísta convicto” e alerta para os desafios internacionais que se avizinham.

No programa de hoje, foi ainda comentada a candidatura de Coimbra a Capital Europeia da Cultura 2027 e ouvida a rubrica Foyer, da autoria de Lucas Fidalgo, em parceria com o Teatro Académico de Gil Vicente.

O comentário pode ser ouvido na íntegra aqui:

Carolina Cardoso

3
21
03
0
GMT
GMT
+0000
2019-07-17T21:03:40+00:00
Wed, 17 Jul 2019 21:03:40 +0000