4/09/18

Montemor-o-Velho recebe Campeonato do Mundo de Pesca Desportiva

Montemor-o-Velho volta a acolher uma prova de pesca de nível Mundial, a última realizou-se em 2006. Com a realização da 65ª edição do Campeonato do Mundo de Nações de Pesca Desportiva em Água Doce, no Centro Náutico, a pesca de alta competição regressa ao canal do “rio velho” do Mondego, de 3 a 9 de setembro.

Atletas de 22 países, entre os quais os campeões do mundo da modalidade, treinam já nas “boxs”. No próximo fim de semana, sábado e domingo, as equipas de 21 países europeus e dos Estados Unidos, vão tentar arrecadar os títulos de Campeão do Mundo de Nações e de Campeão do Mundo em individuais.

Projetado para receber canoagem, natação, remo e triatlo, o Centro Náutico é considerado um dos melhores do país também para a prática da pesca de competição. Os pesqueiros alinhados em linha reta ajudam a colocar os atletas em igualdade de circunstâncias, numa modalidade que tem muito de científico e de estratégia.

A realização do campeonato em Portugal mereceu a aprovação “unânime” dos países. Palavras do presidente da Federação Pesca Desportiva, Carlos Baptista, hoje, dia 4 de setembro, em conferência de imprensa em Montemor-o-Velho.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Belisário Borges, Emílio Torrão, Carlos Batista, José Veríssimo, Bruno Valente, José Carvalho e João Silva

Além do apoio logístico da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho e da Federação Portuguesa de Pesca Desportiva, a organização operacional das provas e treinos cabe à Associação Regional das Beiras de Pesca Desportiva. A competição é financiada pelas inscrições dos países (1 350 euros cada). As equipas pagam o alojamento, as viagens  e o material que usam.

O presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão, ele próprio um ex-praticante da modalidade, deixa a vontade de que enquanto liderar o Município, o Centro Náutico acolha competições desportivas de pesca, à semelhança do que já acontece com o remo e a canoagem. Emílio Torrão apela à participação do público e adianta razões.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Mário Batista e Flamínio Pechincha

Flamínio Pechincha com Mário Batista são os treinadores de Portugal que estão no terreno nesta competição em Montemor-o-Velho. O selecionador principal José Duarte, foi sujeito a uma intervenção cirúrgica que o obriga a ficar em casa e a comunicar via redes sociais, a ele cabe a formação da Seleção Nacional constituída pelos primeiros seis classificados no Campeonato Nacional do ano passado.

A seleção Nacional de seniores de água doce conta com a presença de dois atletas do distrito de Coimbra: Henrique Ferreira, o atleta é serralheiro civil na empresa L.P. Ascenso, e Rui Coimbra que é médico, tem 42 anos e trabalha no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra. Os dois atletas fazem parte do Clube de Pesca de Competição Amorim & Dias.

O treinador Flamínio Pechincha considera que as expectativas para a equipa Nacional são altas mas, a observação dos treinos dos últimos dois dias permitiu-lhe confirmar o profissionalismo das equipas presentes. Alguns dos atletas são profissionais de pesca não exercendo outra atividade, situação que pode condicionar a subida ao pódio dos portugueses.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

António Marques, tem 49 anos, empresário do ramo automóvel, desde os 14 anos que participa em competições, logo em 1983 foi campeão regional do distrito de Lisboa. O atleta gostaria de ter tido a possibilidade de treinar no Centro Náutico de forma a preparar “melhor” a participação. A realização no local do Campeonato do Mundo de Canoagem em agosto impossibilitou o acesso aos pesqueiros. “A Pesca é a sua Paixão”.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Rui Coimbra, António Marques e Henrique Ferreira

Henrique Ferreira é vice-campeão Nacional de Água Doce e Rui Coimbra também subiu ao pódio em 2017 para arrecadar o terceiro lugar.  Para os atletas portugueses, não é fácil conciliar o treino e a competição quando se trabalha 60 horas por semana como é o caso do médico Rui Coimbra, ou quando se é o único pescador na família como nos conta Henrique Ferreira.  

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Desde segunda-feira que as equipas treinam em Montemor-o-Velho. Os treinos continuam até à próxima sexta-feira. Sábado e domingo realizam-se as competições. Pelas 18h30 de domingo tem lugar a entrega de prémios. As melhores equipas mundiais estão em competição  no centro Náutico, o campeão mundial em título, o belga Luc Thijs, é um dos atletas presentes.

Isabel Simões

2
12
05
0
GMT
GMT
+0000
2018-12-11T12:05:31+00:00
Tue, 11 Dec 2018 12:05:31 +0000