4/09/18

José Augusto Bernardes: [sobre o incêndio no Brasil]”O património não é uma flor na lapela “

O Alvorada de hoje, 4, contou com o comentário à atualidade do diretor da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra e professor da Faculdade de Letras da UC, José Augusto Bernardes.

Faleceu no passado sábado a professora catedrática jubilada da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra Ofélia Paiva Monteiro, aos 82 anos de idade. Natural do Porto, Ofélia Paiva Monteiro foi uma reconhecida estudiosa da obra do escritor Almeida Garret. O director da FLUC, José Pedro Paiva, considerou-a“uma das grandes professoras de Literatura portuguesa”. José Augusto Bernardes, docente da FLUC, recorda as caraterísticas daquela que também foi sua professora.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

A FENPROF tem criticado o governo por não descongelar as carreiras docentes. O Conselho de Reitores queixa-se que, no plafond orçamental que o governo pretende atribuir para 2019, estão em falta 3,8 milhões de euros para o aumento dos encargos com pessoal resultante do descongelamento das carreiras, e que não se encontra previsto qualquer reforço para a aplicação do diploma do emprego científico (DL n.º 57/2016), que pretendia contratar 5000 investigadores até 2019. A FENPROF reclama que os docentes do ensino superior não sejam prejudicados face a outras carreiras da administração pública, entre as quais se incluem as carreiras do regime geral. O sindicato está a preparar para levar à Assembleia da República uma petição pública que visa a abertura de negociações para resolver esta questão. José Augusto Bernardes realça a questão da discriminação em relação aos outros funcionários do Estado.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Na sequência da publicação da Lei Quadro da Transferência de Competências para as Autarquias Locais e para as Entidades Intermunicipais, vários executivos de câmaras municipais, nomeadamente a de Cantanhede, têm votado e decidido não aceitar estas competências por falta de capacidades técnicas e financeiras. No entanto, o ministro da Administração Interna já alertou que estas não têm valor jurídico. Também a Câmara Municipal de Braga vai “nos atuais moldes, rejeitar boa parte” das competências porque considera a descentralização minimalista e pouco ambiciosa. Augusto Bernardes concorda com a descentralização, mas considera que face a estas posições diversificadas, deveriam existir diferenças entre os municípios, que tivessem em conta o seu tamanho e capacidades.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Foi destruído num incêndio o Museu Nacional do Rio de Janeiro. Ontem cerca de 500 estudantes e investigadores ligados ao museu, a maioria dos quais vestidos de negro, concentraram-se em frente aos escombros contra a negligência dos poderes públicos. O professor da FLUC fala num desastre não só para o Brasil, mas para a Lusofonia e para a América Latina e lembra os vários prejudicados pelo incêndio.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

O diretor da Biblioteca Geral da UC lembrou ainda que, pela falta de financiamento, há vários perdas como estas a acontecer lentamente em bibliotecas em Portugal. Para o professor, falta uma cidadania ativa por parte dos cidadãos, que exiga mais das entidades e denuncie a degradação do património.

O comentário à atualidade pode ser escutado na íntegra aqui.

Joana Gomes

1
19
34
0
GMT
GMT
+0000
2019-03-18T19:34:42+00:00
Mon, 18 Mar 2019 19:34:42 +0000