29/05/18

“Os Sapatos” do CITAC vencem no palco do FATAL

As companhias de teatro portuguesas enfrentam uma série de dificuldades e constrangimentos. Uma crise nas artes nacionais que deriva do facto do orçamento para a cultura não chegar ao 1%. Contudo, o teatro continua a lutar pela sobrevivência e pela qualidade do trabalho. O Círculo de Iniciação Teatral da Academia de Coimbra (CITAC) venceu, na passada semana, o prémio FATAL, atribuído pelo Festival Anual de Teatro Académico de Lisboa. A RUC esteve à conversa com dois atores do CITAC, Tiago Dinis e Zé Ribeiro, para saber o significado desta atribuição.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Devido aos cortes na cultura, que afetaram muitas companhias de teatro, os artistas do CITAC referem que o número de encenações no FATAL diminuiu este ano.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Os vencedores apresentaram uma reposição da peça “Os Sapatos”, que surgiu no contexto da Bienal de Arte Contemporânea de Coimbra – Ano Zero. A peça explora a identidade, a procura pela libertação, o conflito, e a própria memória coletiva do CITAC. O ponto de partida da criação foi um texto de Yevette Centeno, uma das fundadoras do Centro de Iniciação Teatral.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Yevette Centeno escreveu “Os Sapatos” numa altura em que o teatro ainda não era aceite em Portugal, em que a arte era reprimida e marginal, principalmente aquela feita no feminino. Apesar dos avanços feitos desde estão, o teatro continua a enfrentar dificuldades estruturais. O objetivo do CITAC é o de tornar a arte performativa mais inclusiva.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Os atores salientam ainda que a cultura deve ser um direito de toda a gente. Seguindo este principio, o CITAC volta a abrir um período de formação no próximo ano. As inscrições para o curso de formação abrem brevemente e as aulas estendem-se por 6 meses.

Catarina Silva

6
9
52
0
GMT
GMT
+0000
2018-12-15T09:52:53+00:00
Sat, 15 Dec 2018 09:52:53 +0000