15/12/17

Rui Antunes: “Justifica-se haver uma carreira de docente no Ensino Superior e uma carreira de investigador?”

Alvorada de hoje (15) teve como comentador Rui Antunes, professor da Escola Superior de Educação de Coimbra (ESEC) e anterior presidente do Instituto Politécnico de Coimbra.

Alexandre Amado toma posse hoje como presidente da Direção Geral da Associação Académica de Coimbra (AAC) para um segundo mandato. E Nuno Mota Pinto, antigo dirigente da AAC, foi revelado como a escolha da Associação Mutualista Montepio Geral para liderar o banco Caixa Económica Montepio Geral. Estes dois acontecimentos motivaram uma reflexão no Alvorada de hoje sobre a importância da passagem pelas associações estudantis para o futuro profissional. Rui Antunes valoriza a passagem de estudantes por órgãos de direção. No entanto, o professor salvaguarda que o que importa é participar em organizações e em atividades extra curriculares.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

 O Conselho de Ministros aprovou ontem o decreto regulamentar dos níveis remuneratório para os contratos dos investigadores, ao abrigo da lei do emprego científico. O processo passa agora para o lado das instituições que têm de abrir os concursos. Após o Conselho de Ministros, o ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, comunicou que a negociação foi complexa e que envolveu negociações com oito sindicatos e audições a entidades de ensino público universitário e representantes de associações de investigadores e de bolseiros. O professor da ESEC recorda que estas medidas têm vindo a ser tomadas sem que se acautele um maior financiamento para as Instituições de Ensino Superior. Ainda assim, Rui Antunes sugere que se inicie uma reflexão mais profunda. “Justifica-se, neste momento, haver uma carreira de docente no Ensino Superior e uma carreira de investigador?”, questionou.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Em janeiro do próximo ano, 2,8 milhões de pensionistas vão ter as reformas atualizadas com um valor acima do que estava inicialmente estimados pelo Governo. Quem recebe 600 euros de pensão, por exemplo, passa a receber mais 10,80 euros. Rui Antunes considera que “é consensual que esta é uma medida positiva”.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

O caso de alegada má gestão na Associação Raríssimas continua a marcar as primeiras páginas dos diários nacionais. Para Rui Antunes estes escândalos tendem a procurar culpados, normalmente, políticos ou gestores com maior peso. No entanto, o professor alerta que este caso representa “uma atitude cultural do país”, alertando ainda para “o modo como funcionam estas instituições”.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

No Alvorada de hoje ouve ainda tempo para falar sobre a inauguração da nova sede da Plural, com um investimento de 12 milhões de euros, ou ainda a mudança de ação política em Angola, pela mão do Presidente João Loureço. Pela voz da repórter RUC Isabel Simões passou também no programa de hoje a rubrica “Crime na Cidade”.

O Alvorada pode ser ouvido na íntegra aqui.

Ana Morais

3
22
13
0
GMT
GMT
+0000
2018-05-23T22:13:16+00:00
Wed, 23 May 2018 22:13:16 +0000