8/09/17

Comemoração dos 150 anos do nascimento de Camilo Pessanha

Decorreram ontem as comemoração dos 150 anos do nascimento de Camilo Pessanha. As iniciativas aconteceram em diferentes locais da cidade de Coimbra. A RUC falou com Manuel Seixas, um dos organizadores do evento sobre a origem do projeto.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Conversámos sobre a programação da iniciativa. Foi um dia completo com atividades  em toda a zona histórica da cidade. Durante a tarde decorreu a performance de Gil Mac na Casa da Escrita. Manuel Seixas quis destacar um dos momentos que preencheu o dia.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

O poeta Camilo Pessanha marcou o simbolismo na língua portuguesa. Transferiu-se para Macau e foi lá que morreu, mas Coimbra continua a dever-lhe homenagem. Mesmo quem não seja um entendido na obra de Camilo Pessanha, é bem-vindo nas sessões que ainda estão por acontecer. Basta gostarem de poesia, diz o organizador.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

À noite, foi organizado um jantar na Sé Velha e decorreu a inauguração da exposição de pintura de Ivone Tavares, no Café Santa Cruz. As comemorações encerraram no Café Santa Cruz, com um bolo com 150 velas a soprar, às 23h, horário de nascimento de Camilo Pessanha.

Lucas Fidalgo

5
18
40
0
GMT
GMT
+0000
2018-05-25T18:40:01+00:00
Fri, 25 May 2018 18:40:01 +0000