17/12/16

A arte e a resistência política trazem Luaty Beirão e Gregório Duvivier a Coimbra

“Resistência Política pela Arte” é o título do encontro organizado pela Associação de Pesquisadores e Estudantes Brasileiros (APEB) que traz Luaty Beirão e Gregório Duvivier a Coimbra, este fim de semana. O encontro integra a vinda do ativista e rapper Luaty Beirão, hoje, à Casa da Lusofonia, e de Gregório Duvivier, o humorista cofundador da Porta dos Fundos, ao Ateneu, amanhã.

Recebemos em estúdio um dos organizadores do evento: Carlos Guerra Júnior ou Mossoró, como é conhecido no mundo do ‘rap freestyle’, em Coimbra, que vai também participar no encontro. O doutorando pela Universidade de Coimbra estuda a relação entre o ‘rap’ e o ativismo político, dentro espaço lusófono, e vai hoje dar a conhecer, na Casa da Lusofonia, a história da música de intervenção em Angola desde o período pré-independência até 1990, década em que surgiu o rap em Angola.

Para Mossoró, é assim um privilégio receber Luaty Beirão, o homem que chamou a atenção do mundo para o ambiente político que se vive em Angola, ao ter iniciado, a 10 de Dezembro de 2015, uma greve de fome com o intuito de protestar contra os sucessivos atrasos no seu julgamento, já depois de ter sido preso. Em Junho do mesmo ano, Luaty tinha sido preso pela Polícia Angolana, sob a acusação de estar envolvido na preparação de uma rebelião e atentar contra o Presidente Angolano, José Eduardo dos Santos, mas já antes, desde o final da década de 1990, o filho de João Beirão, amigo de Eduardo dos Santos, é o rapper Ikonoklasta que em vários álbuns expôs as desigualdades sociais em Angola.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Luaty Beirão manifestou vontade de, no seu tempo livre em Coimbra, conhecer as repúblicas universitárias e passear pela cidade. Mossoró referiu igualmente de que forma surge o brasileiro Gregório Duvivier neste encontro. O humorista e poeta é também descrito como um ativista político que participou em várias vigílias em prol da libertação de Luaty e, apesar de não ser filiado pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), tem mostrado já por várias vezes o seu apoio ao partido brasileiro.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

O encontro está aberto a todos os que quiserem debater os caminhos que unem o ‘rap’, o humor e todas as artes à política nos países lusófonos. São muitas as formas atrvés das quais os estudantes podem beneficiar deste encontro, segundo Mossoró.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Tanto hoje como amanhã a entrada é livre. Luaty Beirão marca presença na Casa da Lusofonia às 16h00 e, amanhã, o encontro com Gregório Duvivier tem início às 17h00, no Ateneu. Na Casa da Lusofonia haverá ainda tempo para Luaty Beirão apresentar a sua obra “Sou eu mais livre então”.

André Pinheiro

7
5
38
0
GMT
GMT
+0000
2020-01-19T05:38:20+00:00
Sun, 19 Jan 2020 05:38:20 +0000